Curso de jornalismo para quê?

Alguns pontos elencados pelo professor Eduardo Meditsch sobre a crise do jornalismo, que provoca (ou deveria provocar) uma atenção maior dos cursos para o estudo específico do Jornalismo e de suas complexidades e fenômenos:

“O jornalismo não está conseguindo chegar nas populações mais jovens. A idade média do público das TVs all news nos EUA é de 60 anos. Isso é um fato dramático para o jornalismo. Então, ou o jornalismo muda, ou morre de velho, junto com seu público. É fundamental que as escolas desenvolvam pesquisas no sentido de renovar as linguagens, renovar os enfoques, serem criativas no sentido de perceber como levar a informação importante que todos precisam saber para poderem atuar na cidadania de uma forma que seja mais atraente para os mais jovens”

Vale a pena assistir à aula inaugural do professor ministrada na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Anúncios

Autor: William Robson Cordeiro

WILLIAM ROBSON CORDEIRO é jornalista e doutorando em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina, com ênfase em Tecnologias, Linguagens e Inovação no Jornalismo. Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Estudos da Mídia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPGEM/UFRN). Autor do livro "Infografia Interativa na Redação - O Exemplo do Diário do Nordeste". Integra o Núcleo de Estudos e Produção Hipermídia Aplicados ao Jornalismo, sob coordenação da prof. Dra. Raquel Ritter Longhi.

2 comentários em “Curso de jornalismo para quê?”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s